Início >> Noticia >> Pro Paz nos bairros promove integração com outros projetos sociais do estado
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Pro Paz nos bairros promove integração com outros projetos sociais do estado

sexta-feira, 21 Setembro, 2018
O sentimento de acolhimento e encontro com o próximo foi o que permeou o encontro entre os alunos do polo Pro Paz nos Bairros Mangueirão com os alunos do projeto social Rosa do Ventos, de Abaetetuba na manhã desta sexta-feira (21), dia internacional da paz. O encontro aconteceu no polo, em Belém, e contou com uma programação esportiva. 
 
O Instituto Educacional Artístico e Esportivo Rosa dos Ventos, localizado no município de Abaetetuba nasceu em 1999 e visa oferecer atividades de esporte, lazer e cultura, além de projetos na área de educação para trânsito e ações de geração de emprego e renda. Para o representante do Instituto, Paulo Sena a integração com o Pro Paz nos Bairros fortalece a formação das crianças e adolescentes e integra sonhos. 
 
“Hoje nós estamos aqui realizando um grande encontro entre os meninos de Abaetetuba e os do Pro Paz. Unindo trabalhos que são voltados para a comunidade e que integram famílias. Estamos aqui observando os exemplos das atividades aqui desenvolvidas para replicar em Abaetetuba e também fortalecendo vínculos entre as crianças”, explicou Paulo Sena. 
 
Para o aluno do Instituto, Junior Cardoso, a vivência com os alunos do Pro Paz foi especial porque possibilitou ver outros projetos como o nosso e fazer novos amigos. “Comecei no instituto com um sonho, entrar um dia em uma rádio e conhecer esse trabalho. Era um sonho de criança e lá eu não só entrei em uma como aprendi a produzir um programa para rádio através de oficinas do Projeto Bizu. Hoje eu trabalho com isso e sou muito feliz”, disse o estudante
Anderson Felipe, 18 anos, estuda desde os 12 no polo Mangueirão e acredita que a visita e intercâmbio com outros jovens faz com que os dias de atividade sejam ainda mais especiais. 
 
“Quando a gente conhece outros jovens e adolescentes é a chance de mostrarmos a cultura de paz e a disputa fica ainda melhor, mas sempre prevalece a paz e todos ficamos contentes com o resultado”, acredita o aluno. 
A coordenadora do programa Pro Paz nos Bairros, Luci Alves, explica a importância dessas integrações entre projetos estimulando a empatia, o carinho e o respeito. “Essas integrações são formas de estimular nossos alunos a terem carinho e respeito pelo próximo que eles ainda nem conhecem. Interagir nos esportes, disputar mas sempre olhando para o adversário como alguém que devemos acolher e tratar com carinho, independente do resultado”, acredita a pedagoga. 
 
Por: Nathalia Petta